Warning: is_readable() [function.is-readable]: open_basedir restriction in effect. File(E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog/wp-content/plugins/E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog/wp-content/plugins/platinum-seo-pack/platinum_seo_pack-pt_BR.mo) is not within the allowed path(s): (E:/Vhosts/nautika.com.br\;C:\Windows\Temp\) in E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog\wp-includes\l10n.php on line 334

Warning: session_start() [function.session-start]: Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog\wp-includes\l10n.php:334) in E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog\wp-content\plugins\facebook-awd\inc\classes\facebook\facebook.php on line 37

Warning: session_start() [function.session-start]: Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog\wp-includes\l10n.php:334) in E:\Vhosts\nautika.com.br\httpdocs\blog\wp-content\plugins\facebook-awd\inc\classes\facebook\facebook.php on line 37
Pular corda: uma antiga brincadeira que virou treino para atletas e lutadores | Blog Nautika

Pular corda: uma antiga brincadeira que virou treino para atletas e lutadores

Posted by on 6 de fevereiro de 2012
Quem brincou de  pular corda na infância experimentou o quão divertido e intenso pode ser este exercício.

Visto apenas como uma brincadeira de criança, a corda é uma das atividades aeróbicas mais completas e eficientes para eliminar gorduras, tonificar os músculos e combater o estresse. Desenvolve agilidade, ritmo, equilíbrio, impulsão, coordenação motora e força muscular.

É uma prática que trabalha muito o condicionamento físico, e por isso mesmo é muito utilizada em treinamentos de atletas e lutadores.

Anderson Silva, campeão de MMA, pula corda durante seus treinos. Foto: Patricia Stavis

A grande queima calórica aliada ao bom condicionamento cardiorrespiratório tem atraído cada vez mais pessoas a usar a brincadeira como treino. Além do mais, os exercícios podem ser bem dinâmicos: saltando para frente, para trás, com os dois pés, com um só, etc.

De carga intensa, a atividade atua como treinamento aeróbio e anaeróbio, trabalha pernas, glúteos, panturrilhas, abdome e braços. 15 minutos pulando corda equivalem a cerca de uma hora de corrida.

Não tem condicionamento físico para praticar? A dica é começar aos poucos alternando a corda com outra atividade, como caminhada, pedalada ou subir degraus até obter um melhor condicionamento.

Por ser uma atividade de grande impacto é preciso cuidado com as articulações, tanto escolhendo um tênis com amortecedor apropriado para a prática quanto observando se as pisadas estão firmes e equilibradas. O mais recomendado é praticar três vezes por semana cerca de 15 a 30 mimutos no máximo, para não sobrecarregar. As principais contra-indicações são: dor ou lesão nos joelhos, pés, tornozelos ou coluna; obesidade.

Na prática

Equipamento: antes de comprar a corda é preciso observar se o comprimento está de acordo com a sua altura: pisando na corda as extremidades devem alcanças a sua cintura. Os modelos mais indicados são de plástico, couro ou vinil. Náilon ou sisal são muito leves e, por isso, não recomendadas.

Piso: cimento, mármore ou asfalto exigem tênis com bons amortecedores. Pisos emborrachados ou gramados são mais seguros.

Alongamento: antes e depois da prática é fundamental o alongamento para evitar lesões e dores. Cinco minutos, trabalhando todo o corpo, são suficientes.

E não se esqueça: o mais recomendado é fazer uma avaliação médica antes da prática.  O acompanhamento com um profissional de educação fisica também é indicado durante os exercícios.

Confira este video com mais algumas dicas:

 

Curta a página da Nautika no Facebook e Siga-nos no Twitter para ficar por dentro de novidades, dicas e promoções exclusivas!

Gostou? Que tal compartilhar?

2 Responses to Pular corda: uma antiga brincadeira que virou treino para atletas e lutadores

  1. victor

    Legal, realmente é muito bom pular corda, alem de tonificar os musculos das pernas gera e uma resistencia violenta, garanto que se começar pular corda nao vai querer parar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>